Cuiabá, quinta-feira, 05/12/2019
16:11:37
informe o texto

Notícias / Geral

11/11/2019 às 09:21

Palmeirense se diz arrependido de socar cantor: 'agi por impulso'

O cantor brincou dizendo que Palmeiras não tem Mundial

Luana Valentim

Palmeirense se diz arrependido de socar cantor: 'agi por impulso'

Foto: Instagram

O torcedor do Palmeiras, Bruno Paolo, disse nesta segunda-feira (11), ao Leiagora, que está arrependido de ter agredido o cantor de pagode Leuo no último sábado (09), em uma casa de samba na Prainha, em Cuiabá. Ele destaca que agiu por impulso.

Segundo o palmeirense, há uns meses ele estava no bar Ditado quando no qual o cantor se apresentava e acabou fazendo uma brincadeira com o time. Após descer do palco, Bruno foi até o pagodeiro e pediu que não fizesse mais esse tipo de brincadeira, pois a considera desrespeitosa.

Saiba Mais: Cantor agredido por torcedor do palmeiras fala sobre o caso e agradece apoio dos fãs - veja vídeo

Dessa vez, Bruno estava no Bar da Boa junto com amigos, ambos fazem parte da torcida organizada do Mancha Verde. No local, Leuo se apresentava quando em determinado momento começou a cantar uma música, na qual a letra cita que o time do Palmeiras não tem mundial.

Nesse momento, Bruno acabou perdendo o controle, subiu no palco e agrediu o cantor com socos.

“Foi por impulso, na hora não pensei em nada. Eu já havia pedido para ele não fazer esse tipo de brincadeira lá no Ditado. Aí no bar, ele nos vê com a camisa do Palmeiras nos cumprimenta e faz esse tipo de brincadeira. Só não imaginava que daria esse tipo de repercussão que deu”, disse.

Bruno ainda destacou que se arrepende de ter partido para agressão, mas considera que o cantor o desrespeitou ao fazer tal brincadeira. Ele afirma que com time, política e religião não se brinca.

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Thiago 11/11/2019 às 00:00

    Agora o cantor tem culpa se o Palmeiras não tem mundial ?

  • Zico Miranda 11/11/2019 às 00:00

    Agressão nao é legal, mas nesse caso mereceu.Duvido que faça de novo.Viu os caras com a camisa e quiz zuar, aguenta.Toma

  • fernando 11/11/2019 às 00:00

    um absurdo por causa de uma musica o lutador subir em um palco para agredir um musico que esta trabalhando, pelo visto os impulsos dele tudo se resolve na violência,a academia deveria banir o lutador pois não é exemplo a ser seguido e o mesmo a torcida organizada pois mancha o nome da torcida pessoas que tomam esse tipo de atitude. até quando vai existir pessoas que tomam esse tipo de atitude. violência não leva a nada. politica ,religião e futebol se discute sim,com pessoas de bem e civilizadas

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet