Cuiabá, quarta-feira, 24/04/2024
19:19:45
informe o texto

Notícias / Política

27/02/2024 às 12:26

IMPASSE NAS OBRAS

Após intensas discussões, deputados alinham reunião técnica para debater futuro da ferrovia de Rondonópolis

Em conversa com o diretor da empresa responsável pelo modal, parlamentares discutiram a mudança no traçado da ferrovia que, recentemente, passou a atingir o perímetro urbano do município

Amanda Garcia

Após intensas discussões, deputados alinham reunião técnica para debater futuro da ferrovia de Rondonópolis

Foto: Foto: Amanda Garcia / Leiagora

Diante da intensa reunião com o diretor da empresa Rumo Logística, Guilherme Penin, deputados estaduais de Mato Grosso definiram, na tarde desta segunda-feira (26), que uma reunião técnica em Rondonópolis (219 km de Cuiabá), definirá o futuro das obras da Ferrovia Estadual Senador Vicente Emílio, no município.

Isso porque, recentemente, o traçado dos trilhos da ferrovia aproximou-se do perímetro urbano da cidade, alterando assim, a rota do projeto original do modal. A promessa é de que a ferrovia interligue os municípios de Rondonópolis a Cuiabá, Nova Mutum e Lucas do Rio Verde.

Estiveram presentes o presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (União Brasil), os deputados estaduais Thiago Silva (MDB), Nininho (PSD), Sebastião Rezende (União Brasil) e Cláudio Ferreira (PL), o diretor da Rumo, Guilherme Penin, o presidente da Câmara de Rondonópolis, Jr. Mendonça (PDT), o procurador do Município de Rondonópolis, Rafael Santos e secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, César Miranda.

Conforme as autoridades, equipes da Rumo, alinhadas com a ALMT, Prefeitura de Rondonópolis e com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA) atuarão no sentido de encontrar uma conciliação para a execução de um novo traçado para o modal.

Ao comentar o impasse, Botelho além de tecer duras críticas a SEMA, destacou que o tocante mais agravante gira em torno do traçado que se aproxima do bairro Maria Amélia. Segundo o deputado, apesar da ferrovia ser um projeto ‘benéfico e de grande porte’, a proximidade do modal com o perímetro urbano pode trazer inúmeros transtornos para os moradores que residem na região.

“Existe um erro grave da SEMA, na minha opinião, ela não poderia autorizar isso sem consultar o município. Agora, se realmente era a melhor alternativa, o município deveria ter sido consultado. Tenho certeza que iria achar uma solução, isso talvez não agrade alguns que moram ali, mas é a melhor solução para toda a sociedade. Isso é o entendimento geral quando a gente faz obra, a gente faz obra, às vezes passa uma propriedade, o cara não gosta que passe, mas é preciso passar ali, se é preciso passar, ele tem que ser apropriado”, destacou.

Rumo garante redução no desmatamento

Apesar do imbróglio, a diretoria da Rumo justificou que a mudança no traçado pode reduzir em 24% o desmatamento, garantindo uma obra mais “eficiente e sustentável”. De acordo com Penin, a expansão dos trilhos gera mais competitividade para o Estado no cenário nacional e internacional.

“Estamos buscando alterar o traçado pensando em minimizar o impacto ambiental pois, anteriormente, seria construída uma ponte de 2.200 metros no Rio Vermelho, e agora a nossa pretensão é construir uma ponte de 480 metros, diminuindo assim também o tempo de obra”, argumentou Guilherme Penin.

No momento, a Procuradoria da ALMT encontra-se com uma ação movida no Supremo Tribunal Federal no intuito de anular a liminar da Justiça que garante a execução do novo traçado proposto pela empresa. No documento, a Casa apresenta argumentos técnicos para suspender o novo projeto. 
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet