Cuiabá, quarta-feira, 28/07/2021
22:49:21
informe o texto

Notícias / Política

17/06/2021 às 12:44

Emanuel inicia 'campanha' pelo interior para apresentar projeto para 2022

O prefeito de Cuiabá evita admitir que será candidato, mas anunciou que irá visitar outros municípios para dialogar sobre 'um novo modelo de gestão'

Da Redação - Alline Marques / Reportagem Local - Luzia Araújo

Emanuel inicia 'campanha' pelo interior para apresentar projeto para 2022

Foto: Assessoria

Sem admitir uma candidatura ao governo, Emanuel Pinheiro (MDB) já demonstra que está em plena campanha para a disputa em 2022. Inclusive, vai iniciar uma agenda pelo interior do estado para discutir o que ele intitula como um novo modelo de gestão para Mato Grosso. O emedebista adianta que o debate é independente de quem irá liderar este projeto. 

“O nosso projeto é de construir um novo modelo de gestão, humilde, democrático, com diálogo, de respeito ao servidor, que fortaleça o setor produtivo, sem arrogância. Independente do cabeça, de quem será o líder, a partir do final de semana que vem eu começo ir no interior. Todo sábado estarei no interior fazendo essa discussão, fomentando que independente de nome, vamos discutir esse novo modelo de gestão para ser apresentado em 2022”, afirmou Emanuel em entrevista na manhã desta quinta-feira (17), durante entrega da Estação de Tratamento de Água (ETA) que irá atender a região Sul da capital. 

Emanuel se divide em dizer que irá terminar o mandato e uma movimentação política que o coloca no centro da disputa ao governo em 2022. De maneira direta, ele articula o grupo de oposição ao governador Mauro Mendes (DEM), mas ainda enfrenta resistência dentro do MDB, que tem os deputados estaduais na base do democrata. 

O prefeito de Cuiabá fala ainda que tem conversado com o presidente do MDB, Carlos Bezerra, sobre o que chama de “sentimento Emanuel Pinheiro” e que apesar do partido vir conversando sobre 2022, não tem como ignorar a insatisfação com a gestão de Mendes, colocando servidores e os setores produtivos como os que estão contrariados com o governo. 

Além disso, ele divide o MDB da Assembleia e outros filiados no estado. “O MDB está na rua, com o povão, com o sentimento e cheiro de povo”, afirma. 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet