Cuiabá, quarta-feira, 21/02/2024
08:30:43
informe o texto

Notícias / Polícia

06/12/2023 às 15:30

LINHAS DE INVESTIGAÇÃO

Vídeo | Delegacia investiga se execução de advogado está relacionada a casos do escritório

Em um dos casos, Zampieri foi alvo de uma queixa de que ele tenha tirado aproximadamente R$ 500 mil de um dos seus clientes

Eloany Nascimento

<Font color=Orange> Vídeo </font color> | Delegacia investiga se execução de advogado está relacionada a casos do escritório

Foto: reprodução/Montagem Leiagora

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga se a motivação da execução do advogado Roberto Zampieri, 63 anos, pode estar ligada a casos do escritório de advocacia, a exemplo de um boletim de ocorrência registrado por um cliente em 2021 contra ele.

O registro em questão trata-se da queixa de que o advogado tenha tirado aproximadamente R$ 500 mil de um dos seus clientes. O fato foi levantado durante entrevista coletiva prestada pelo delegado responsável pelo caso, Nilson Farias, na DHPP.

Conforme o delegado, a equipe ainda está apurando se o crime tem envolvimento com o exercício da profissão da vítima. Ele ainda diz que não exclui outras possíveis motivações, como o caso do boletim contra Zampieri.

“Isso ocorreu no ano de 2021, porém essas informações nós conversamos com a família dele e tudo está sendo levantado. Trata-se de um escritório de advocacia, e todas as causas, a maioria delas, eram grandes e de volumes vultosos, então a atividade laborativa obviamente acaba sendo a principal linha de investigação, no entanto não se descarta outras possibilidades, mas a linha de investigação nesse caso específico em um escritório tão grande que mexem com causas grandes é atividade laborativa”, explicou.

Outra situação questionada ao delegado é se a execução pode estar relacionada à delação que Zampieri fez em 2018, no âmbito da Operação Bereré. No entanto, Nilson volta a reafirmar que várias possibilidades ainda estão sendo investigadas. 

Na cena do crime, os policiais encontraram com o advogado R$ 11 mil em espécie. O dinheiro e outros pertences foram apreendidos para análises periciais. 


Zampieri está sendo velado na tarde desta quarta-feira (6), na Funerária Santa Rita, em Cuiabá. #LeiagoraNotícias
O crime

O advogado Roberto Zampieri foi assassinado a tiros na noite dessa terça-feira (5), no Bairro Bosque da Saúde, em Cuiabá.

O crime ocorreu quando ele saía do seu escritório de advocacia, localizado na Rua Topázio.

Ele foi executado com ao menos 10 tiros ao entrar dentro do carro dele, um Fiat Toro, por volta das 19h40 e foi a óbito no local. 

Imagens da câmera de segurança e um vídeo gravado por um morador registraram o atirador fugindo a pé do local. 

O caso é investigado pela Polícia Civil.


 
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet