Cuiabá, terça-feira, 25/06/2024
03:56:22
informe o texto

Notícias / Literatura

25/07/2023 às 15:20

O CANTO DA POESIA

Pai e filho lançam livro inédito de poesias sobre memórias da Segunda Guerra e temas cotidianos

Estreitando os laços de amor e carinho, Vitor e Fernando reúnem produções feitas de maneira descontraída no cantinho da sala

Paulo Henrique Fanaia

Pai e filho lançam livro inédito de poesias sobre memórias da Segunda Guerra e temas cotidianos

Foto: Arquivo Pessoal

A conexão de amor e amizade entre pai e filho pode ser expressa de várias formas, com um abraço, um beijo, uma frase de “eu te amo”, um presente ou até mesmo apenas ao passar um tempo juntos. Para Vitor Modesto Braz, de 41 anos, e Fernando Batista Braz, 87, a maior representação do amor entre os dois é a poesia. Tanto é que, nesta sexta-feira (28), pai e filho lançam a primeira antologia de poemas escrita pelos dois, o livro “O Canto da Poesia”.

O Entretê conversou um pouco com Vitor para conhecer a história de criação do livro.

Emocionado, o autor contou que a ideia surgiu de repente. O pai, Fernando Braz, é nascido em Portugal, mais precisamente na aldeia de Sobrainho dos Gaios, região de Castelo Branco.

Aos 19 anos, em 1955, tendo presenciado os horrores da Segunda Guerra Mundial que assolou a Europa e prestes a ser convocado para lutar no front de uma outra guerra que explodia no continente africano, Fernando embarcou para o Brasil, deixando para trás a família e toda uma história de amor com o país natal.

No Brasil, o jovem imigrante morou no estado de São Paulo e Mato Grosso Sul. Ele chegou em Mato Grosso em 1966 e em 1967 se instalou em Rosário Oeste, local onde casou e teve três filhos. Lá, ele foi vereador por dois mandatos seguidos e também empresário, sempre apresentando a leitura e a poesia aos filhos, uma paixão que ele trouxe consigo no navio que zarpou de Portugal ainda no pós-guerra.

Tudo mudou na vida de Fernando quando a esposa faleceu, em 2012. Começou aí a batalha dele contra a depressão. Com a ajuda da família, ele enfrentou doença e a partir daí as reuniões com o filho Vitor nos finais de semana começaram a ser sagradas.

Sempre nessas reuniões, enquanto a esposa de Vitor fazia o almoço, ele e o pai se sentavam em um canto da sala e ficavam conversando sobre temas da vida, relembrando as memórias que o pai tinha da vida em Portugal e, claro, declamando as poesias que Fernando tem em seu repertório.

“Nesses momentos em que sentávamos na sala e tínhamos essas conversas eu dava um tema de sugestão para ele fazer uma poesia: ‘por que o senhor não escreve uma sobre caridade?’. Tudo isso era para ele pudesse trabalhar a mente, e ele escrevia. Aí sem forçar nada eu apresentava outro tema. Eu ia anotando no banco de notas do celular os escritos que ele fazia e apresentava as minhas poesias para ele também. Quando percebemos, eu havia escrito 36 poemas e ele havia escrito 52”, conta Vitor.

Com esse repertório, o filho teve a ideia de procurar uma editora para publicar os poemas, algo que o pai rejeitou no começo com medo do que as pessoas iriam falar dos poemas, afinal, ele nunca tinha publicado nada e não sabia se o público iria gostar ou não. Mas isso não impediu que Vitor buscasse parceria com a Umanos Editora que ajudou na produção da obra.

Reunindo poemas selecionados da dupla, “O Canto da Poesia” é um retrato intimista da união entre pai e filho. Os temas são variados, desde lembranças da Segunda Guerra, até mesmo ensinamentos que Fernando passou para Vitor ao longo da vida. Como uma forma de agradecer o acolhimento que o ilustre imigrante teve em Mato Grosso, a obra será lançada em uma cerimônia no Cinema Municipal de Rosário Oeste, nesta sexat (28), a partir das 19h.

Este não é o primeiro livro de Vitor. Advogado e residente em Cuiabá, o autor publicou em 2016 a obra “Eu Maçom” em que ele conta um pouco sobre a vivência na instituição. Certa vez, a loja maçônica que frequenta lançou um concurso para que os participantes pudessem escrever o hino da instituição. Vitor aceitou o desafio e com muito orgulho venceu o concurso.

Essa foi o ponto de partida para que ele se apaixonasse ainda mais pela poesia e ajudou a trilhar o caminho para o lançamento do novo livro com o pai. “O livro representa para mim uma realização de uma vida. Fazer esse trabalho junto de uma pessoa que eu admirei a vida toda, isso já valeu tudo que fiz na vida!”, conta todo emocionado o autor.

Quem for no lançamento do livro em Rosário Oeste nesta sexta poderá adquirir a obra por R$ 45. O livro também é vendido pelo site da editora.
Clique AQUIentre no grupo de WhatsApp do Entretê e receba notícias de Cultura e programações artísticas.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet