Cuiabá, sábado, 20/07/2024
15:55:17
informe o texto

Notícias / Literatura

23/04/2023 às 11:12

Livro de escritora cuiabana registra os 80 anos do Hospital Geral

Inaugurado em 1942, foi um marco para a cuiabania e acabou sendo incorporado ao imaginário regional

Entretê

Livro de escritora cuiabana registra os 80 anos do Hospital Geral

Foto: Divulgação

No mês de aniversário de Cuiabá, o Hospital Geral e Maternidade lançou o livro que narra os seus 80 anos de “Uma História de Superação, Amor e Conquistas”. A obra busca contar a trajetória do nascimento da unidade de saúde - a primeira maternidade da capital - até os dias atuais, destacando a importância do trabalho como referência em vários serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) em Mato Grosso.

O livro está a venda por R$ 80,00, no Bazar do Hospital Geral. Interessados podem entrar em contato pelo telefone/WhatsApp (65) 99997-8850. O valor arrecadado será revertido para melhorias na própria instituição.

O hospital foi inaugurado no dia 23 de outubro de 1942, na época, era considerado um marco civilizatório para a “cuiabania”. Com o passar dos anos, incorporou-se institucionalmente ao imaginário regional e se tornou o maior hospital filantrópico do Estado.

Nesses 80 anos, o Hospital Geral agregou também a alta complexidade como missão, modernizando alas, equipamentos e protocolos médicos. Recebeu o título de Hospital Escola do MEC/MS e continua sendo um centro de referência para a afetividade cuiabana, fato que identifica seu nome como patrimônio imaterial.


A jornalista Rose Domingues foi a responsável pela pesquisa, curadoria e pelos textos do livro que tem 158 páginas, mas reforça que não trabalhou sozinha. Ela contou com uma equipe de profissionais, entre eles, Bruna Barbosa e Rodrigo Meloni (jornalistas) e Helena Werneck Santos (estagiária). Além disso, cita o apoio da equipe do hospital e da Editora Carlini e Caniato como decisivas para a conclusão do projeto, que é um marco em sua vida profissional.

“Foi um trabalho construído a várias mãos, que me exigiu mais de um ano de dedicação e que coletivamente nos fez superar muitos obstáculos, entre eles, a pandemia da covid-19, que dificultou o acesso a pessoas e documentos. Eu me sinto realizada porque o resultado é primoroso. O livro é, sem dúvida, uma obra importante não só como registro para o hospital, mas entra para a história de Cuiabá e de Mato Grosso”.

A obra traz entrevistas e relatos de profissionais que fizeram parte da história do hospital e de grandes nomes da sociedade mato-grossense, tais como: Dr. Clóvis Pitaluga de Moura (in memorian), Adelaide de Almeida Orro, a primeira enfermeira do Estado, Sílvio de Souza, o “filho adotivo” do hospital, Dr. Carlos Eduardo Epaminondas (in memoriam), Dr. Gabriel Novis Neves e a importância da medicina humanizada, Dr. Antônio Figueiredo e seus mais de 50 anos de Hospital Geral, entre outros.

O diretor clínico do HG, Dr. Antônio Figueiredo não esconde a alegria da conqista. "Era um grande sonho poder contar um pouco da história desta instituição tão transformadora para a vida da população cuiabana".

A presidente da instituição, Flávia Silvestre, complementa: “O livro faz parte de um projeto de resgate da história e valorização do hospital. Tenho a honra e a felicidade de ter colocado esse projeto em prática”.

Assessoria
Clique AQUIentre no grupo de WhatsApp do Entretê e receba notícias de Cultura e programações artísticas.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet