Cuiabá, quinta-feira, 18/07/2024
13:11:52
informe o texto

Notícias / Esporte

03/12/2022 às 11:50

Karateca cuiabano de 17 anos busca ajuda para disputar mundial no Chile

Apesar de treinar Karatê há pouco mais de um ano, Isaack já tem uma coleção de troféus de fazer inveja

Paulo Henrique Fanaia

Karateca cuiabano de 17 anos busca ajuda para disputar mundial no Chile

Foto: Arquivo Pessoal

O karateca cuiabano Isaack Sanny de Brito Pereira, 17 anos, está de malas prontas para conquistar o mundo e a primeira parada será no ano que vem, no Chile. Cuiabano de nascimento e residente na cidade de Naviraí (MS) desde 2019, Isaack começou a treinar Karatê em 2021 e em tão pouco tempo já coleciona títulos e vitórias de fazer inveja a qualquer lutador.

No entanto, o jovem também trava uma luta fora dos tatames para custear os treinos, alimentação, passagens, hospedagem e tudo que envolve a prática para garantir os bons resultados nas competições. Por isso, Isaack conta com ajuda de amigos, mas está em busca de patrocinadores para conquistar o tão sonhado título mundial.
 
Atualmente o karateca está na faixa laranja, 8º e 7º Kyu, mas daqui uns dias ele já conquista o 5º e 6º Kyu da faixa azul. E conquista é uma palavra recorrente no vocabulário de Isaack. No primeiro campeonato que participou em Dourados (MS) neste ano, o garoto conquistou o 2º lugar no Karatê Kyokushinkaikan. Depois conquistou o 1º lugar em Naviraí na categoria Kata; 2º lugar no Kumite; 3º lugar no Desafio dos Fortes e 1º lugar em equipes.
 
Em São Paulo, Isaack participou do campeonato de Karatê em Guarulhos, e trouxe para casa o troféu de 2º lugar no Kumite e 3º lugar no Kata. O título que lhe rendeu vaga para o mundial no ano que vem no Chile é o 1º lugar na categoria Kumite e 2º lugar na categoria Kata do 17º Campeonato Brasileiro Kyokushinkaikan Karatê disputado em Mato Grosso do Sul no útlimo dia 26 de novembro.
 
“Tenho treinos nas segundas, quartas e sextas. Nos dias de quarta-feira e sexta-feira eu ainda faço um treino normal e depois faço um treino extra”, conta Isaack. E para manter essa maratona, ele precisa bancar a mensalidade da academia, suplementos alimentares e até mesmo o exame de troca de faixa. Com a classificação garantida para competição internacional, o rapaz também luta para conseguir custear a viagem para o Chile no ano que vem.
 
O pai e a mãe do garoto ajudam como podem e a avó está sempre disposta a fazer crochês que são vendidos e ajudam nas custas que devem aumentar com a compra de um quimono especial que será usado no mundial do Chile. Atualmente, Isaack usa um quimono de algodão, porém, a vestimenta ideal deve ser a de lona, o que tem um custo maior.

O Leiagora é uma das empresas que irá ajudar Isaack a realizar o sonho de se tornar campeão mundial. O diretor do portal, Paulinho Palhano, lembra que não é de hoje que a empresa busca associar sua marca ao esporte. Diversos eventos e até mesmo atletas contam com o apoio do site.

"O esporte serve para transformar vidas, ajuda no desenvolvimento mental, cognitivo e físico desses jovens. Para gente é sempre uma honra poder ajudar esses atletas a realizar sonhos e crescer dentro do esporte", ressaltou Paulinho. 
 
No entanto, apesar de já ter conquistar um importante apoio, o pai de Isaack, Helder Douglas, que mora em Cuiabá e, apesar da distância, ainda segue na busca por mais patrocinadores para custear não apenas a viagem, mas os treinos e outros gastos em decorrência da preparação para o campeonato. Quem deseja ajudar, é só ligar para o telefone (65) 99969-4649.
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet