Cuiabá, domingo, 17/01/2021
04:48:59
informe o texto

Notícias / Esporte

05/01/2021 às 12:52

Com rescaldo de 2020, CBF divulga calendário feminino para 2021

Temporada prevê cinco torneios nacionais e pausa durante Olimpíada

Leiagora

Com rescaldo de 2020, CBF divulga calendário feminino para 2021

Foto: Thais Magalhães/CBF/Direitos Reservados

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta terça-feira (5) o calendário de competições femininas de 2021. O cronograma prevê a realização de cinco torneios nacionais (dois adultos e três de base) e datas para campeonatos estaduais e internacionais.

Antes de a bola rolar para os torneios de 2021, a temporada prevê a conclusão das disputas de 2020, remodeladas devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19). A Série A2 (segunda divisão) do Brasileiro referente ao ano passado está na fase semifinal, com os jogos de ida neste domingo (10) e os de volta no próximo (17). Já o campeonato nacional sub-18 (26 de janeiro a 6 de fevereiro) e a Liga de Desenvolvimento da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) sub-14 e sub-16 (5 a 13 de abril) ainda serão realizados, assim como a Libertadores (5 a 21 de março), que será disputada na Argentina e terá participação de Corinthians, Ferroviária e Avaí/Kindermann.

A temporada 2021 começa para valer em 28 de março, com a primeira rodada da Série A1 (primeira divisão) do Brasileiro. O torneio manterá o regulamento do ano passado, com os 16 times se enfrentando em turno único e os oito primeiros se classificando às quartas de final. A final será em 26 de setembro, com pausa entre 28 de junho e 14 de agosto por conta da Olimpíada de Tóquio (Japão).

A Série A2 tem início previsto para 16 de maio e término em 5 de setembro, também pausando durante os Jogos Olímpicos. A competição reunirá 36 clubes, separados em seis chaves, com os dois primeiros de cada grupo se avançando para o mata-mata, além dos quatro melhores terceiros colocados, totalizando 16 classificados. Os semifinalistas garantem acesso à primeira divisão em 2022.

Para os campeonatos estaduais, a CBF disponibilizou datas entre 11 de agosto e 16 de dezembro. A Libertadores de 2021, por sua vez, começa em 30 de setembro e segue até 16 de outubro, no Chile. Campeão e vice da Série A1 em 2020, respectivamente, Corinthians e Avaí/Kindermann têm vaga garantida. Caso algum deles conquiste o torneio referente a 2020, o Brasil terá direito a mais um representante, que será o terceiro colocado do último Brasileiro (São Paulo).

As competições de base também estão agendadas para o segundo semestre. O Brasileiro sub-16 vai de 26 de junho a 4 de julho. Na sequência, começa o sub-18, entre 6 de julho e 10 de outubro. Por fim, de 11 a 19 de dezembro, ocorre a edição 2021 da Liga de Desenvolvimento da Conmebol.

Seleção
Além da Olimpíada, o calendário de 2021 prevê sete datas Fifa (período destinado aos jogos entre seleções). A primeira será entre 15 e 24 de fevereiro. Em março, o período também contempla o intervalo entre os dias 15 e 24. Em abril, de 5 a 13. Em junho, a última data Fifa antes dos Jogos de Tóquio será entre os dias 7 e 15. A seleção feminina ainda terá mais duas convocações, para compromissos entre 13 e 20 de setembro e 18 e 26 de outubro. A CBF ainda não anunciou datas, locais e adversários.

 
Agência Brasil

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet