Cuiabá, domingo, 11/04/2021
23:48:42
informe o texto

Notícias / Judiciário

19/01/2021 às 19:02

Justiça determina internação de adolescente que matou Isabele

A menor já teve dois pedidos de internação negados anteriormente

Eduarda Fernandes

Justiça determina internação de adolescente que matou Isabele

Foto: Reprodução

A Justiça determinou a internação da adolescente de 15 anos que atirou e matou Isabele Guimarães Ramos, aos 14 anos, em 12 de julho do ano passado. A decisão é da juíza Cristiane Padim da Silva, da 2ª Vara Especializada da Infância e Juventude de Cuiabá, e foi proferida nesta terça-feira (19). A Delegacia Especializada do Adolescente (DEA) recebeu a ordem de internação, mas não há informação sobre o cumprimento da decisão.

O MP pediu a condenação da adolescente nos termos do art.121 do Estatuto da Criança e do Adolescente – Lei nº 8.069/90, que prevê período máximo de três anos, com prazo de reavaliação semestral.

O Leiagora não conseguiu contato com o advogado de defesa da família Cestari, Arthur Osti. A menor já teve dois pedidos de internação negados anteriormente.

Leia também - TJ nega internar adolescente que matou Isabele, mas a proíbe de sair à noite

Isabele morreu na casa da família Cestari, em um condomínio de luxo de Cuiabá.  Ela foi atingida por um disparo que entrou pela ponta do nariz e saiu pela nuca. Isabele e a adolescente acusada pela morte seriam melhores amigas.

Em 2 de setembro, a menor foi indiciada pela polícia por ato infracional análogo a homicídio doloso, após a investigação concluir que a versão apresentada por ela, de que o tiro foi acidental, era incompatível com o laudo pericial. Para a polícia, a adolescente da família Cestari praticou conduta dolosa e assumiu o risco de matar a vítima.

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPMT) a acusou por ato infracional análogo ao crime de homicídio doloso e em 10 de setembro pediu sua internação provisória, que foi acolhida pela Justiça, mas a adolescente foi liberada poucas horas depois.

Em novembro, o órgão ministerial pediu novamente a internação da menina, mas foi negado pela Terceira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT).

Atualizada às 19h30 - Adolescente que matou Isabele chega à delegacia por volta das 19h15 acompanhada dos pais, Marcelo Martins Cestari e Gaby Cestari.
 
Atualizada às 20h10 - A adolescente foi encaminhada há pouco para realização de exame de corpo de delito e depois seguirá para a unidade de internação  socioeducativa feminina no Complexo Pomeri.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet