Cuiabá, sexta-feira, 14/05/2021
18:21:46
informe o texto

Notícias / Artes

03/05/2021 às 17:23

Sesc promove 19 oficinas em diferentes áreas artísticas

Dois artistas de MT estão entre os oficineiros dos nove estados da Amazônia Legal

Túlio Paniago

Sesc promove 19 oficinas em diferentes áreas artísticas

Foto 01: Adriano Figueiredo / Foto 02: Gabriel Carmo

Foto: Divulgação

O Sesc Amazônia das Artes é uma rede de intercâmbio das artes e da cultura, que cria laços e fortalece a criação artística no contexto da Amazônia Legal e do Piauí. Em 2021, na sua 13ª edição, o evento conta 19 oficinas gratuitas ministradas por artistas provenientes dos nove estados que compõem a área que corresponde à Amazônia Legal, inclusive Mato Grosso.
 
Aliás, dois artistas mato-grossenses estão entre os oficineiros: o músico Gabriel Carmo e o artista plástico Adriano Figueiredo. Carmo ministra duas oficinas, inclusive a primeira, intitulada “Tambores do Brasil”, começa nesta terça-feira (04) e vai até quinta (06). E a outra, “Ritmos e Linguagens da Música Brasileira com Raiz Afro”, vem logo na sequência, com início na sexta (07) e encerramento no domingo (09).

"Tambores do Brasil" compartilha conhecimentos sobre ritmos regionais brasileiros, como o “Coco de Zambê” (RN) e “Maracatu de Baque Virado (PE), enquanto "Ritmos e Linguagens da Música Brasileira com Raiz Afro" trabalha com conteúdos e linguagens rítmicas do contrabaixo elétrico na música brasileira com raiz afro, como por exemplo o Ixejá, Baião e Coco, estabelecendo conexões entre os ritmos brasileiros e africanos.
 
Já a oficina de Figueiredo, intitulada “Desenho e Pintura Convertendo em Curvas”, acontece entre os dias 20 e 23 de maio. A proposta do artista é ensinar a teoria das cores e o passo a passo do desenho com elementos da cultura de Mato Grosso. A inscrição para as oficinas, de ambos os artistas, pode ser feita por meio deste link.

O Sesc Amazônia das Artes conta com oficinas em outras linguagens artísticas, como teatro, circo, música, literatura, artes visuais e dança. Além de Mato Grosso, também participam Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Rondônia, Roraima e Tocantins, tendo ainda o Departamento Regional do Piauí como convidado, em virtude da identificação com o cenário social e cultural da região, e também pela proximidade geográfica.
 
Nesta edição, por conta das limitações impostas pela pandemia, o projeto trabalha com ações híbridas, que mesclam o virtual e o presencial, em mostras de ações formativas, apresentações, exposições, exibições e fóruns que acontecerão durante o ano. Na primeira etapa, que acontece de 04 a 29 de maio, serão realizadas as oficinas, totalmente gratuitas e no formato online.
 
O objetivo do Sesc Amazônia das Artes é possibilitar a transformação e o desenvolvimento da produção artística da região da Amazônia Legal. Por isso, desde as primeiras edições, o projeto oferece acesso a produtos culturais de forma gratuita, com apresentações e capacitação em diferentes áreas artísticas.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet