Cuiabá, quinta-feira, 18/07/2024
13:29:02
informe o texto

Notícias / Eleições

30/10/2022 às 12:06

Confira resultados parciais das eleições brasileiras na Ásia e na Oceania

Bolsonaro vence no Japão e Taiwan

Priscila Mendes

Confira resultados parciais das eleições brasileiras na Ásia e na Oceania

Boletins de urna em Sydney, na Austrália

Foto: Fernanda Rossi / G1

Mais de 697 mil brasileiros estão aptos a votar fora do Brasil e, em alguns continentes, as eleições já terminaram. Apesar de a apuração das urnas ocorrer só a partir das 17h (horário de Brasília), é possível levantar alguns dados, considerando a emissão do boletim de cada urna. Com isso é possível apurar que o presidente Jair Bolsonaro (PL), a exemplo do primeiro turno, venceu no Japão e Taiwan, enquanto o ex-presidente Lula (PT) leva vantagem em países como China, Austrália, Nova Zelândia, mas que representam colégios eleitorais menores. 

EUA, Portugal e Japão são os países com maior número de eleitores com, respectivamente, 182.987, 80.896 e 76.570 brasileiros aptos a votar. Porém, a votação em Portugal ainda não encerrou. Nos Estados Unidos as eleições terminam próximo com a do Brasil. 

A organização das eleições no exterior fica a cargo do Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE/DF). O órgão informou que já começou a receber os primeiros boletins de urna provenientes de outros países, mas os resultados oficiais serão informados só após o horário oficial.

Confira alguns números baseados nos boletins de urna no exterior, divulgados pelo G1 e pelo Uol: 

Japão: Bolsonaro, 15.185 votos; Lula, 3.257;
China: Lula, 199 votos; Bolsonaro, 146;

Taiwan: Bolsonaro, 132 votos; Lula: 101;
Coreia do Sul: Lula, 126 votos; Bolsonaro, 70;
Singapura: Lula, 230 votos; Bolsonaro, 131;
Nova Zelândia: Lula, 389 votos; Bolsonaro, 164;
Austrália: Lula, 4.179 votos; Bolsonaro, 2.463.


Diversos países da Ásia e Oceania já encerraram a votação do segundo turno da eleição durante a madrugada e o começo da manhã deste domingo (30). Todavia, os votos nos consulados brasileiros do Oriente Médio, da Europa, da América do Norte e da África ainda estão sendo registrados.

Os últimos lugares a encerrarem a votação serão as zonas de Vancouver (Canadá) e Los Angeles e São Francisco (EUA), onde a eleição termina às 21h (horário de Brasília), ou seja, quando possivelmente já se saberá o candidato vencedor.

A eleição de 2022 bateu recorde quanto ao número de eleitores aptos a votar no exterior, por meio de um aumento de 39,21% em relação às eleições gerais anteriores, em 2018. Os brasileiros residentes em outros países devem votar e podem apenas para o cargo de presidente da República.

O número de eleitores aptos a votar fora do país representa 0,45% do eleitorado brasileiro, considerando que há 156,4 milhões de pessoas aptas a participar da eleição.
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet