Cuiabá, segunda-feira, 17/01/2022
15:19:45
informe o texto

Notícias / Geral

14/01/2022 às 14:00

Vacinas para crianças chegam hoje a MT; Cuiabá e VG não definem data para imunização

Cuiabá disse que vai seguir o Plano Nacional de Imunização, mas aguarda chegada das doses

Denise Soares

Vacinas para crianças chegam hoje a MT; Cuiabá e VG não definem data para imunização

Frascos da vacina da Pfizer em versão pediátrica (laranja) e a partir dos 12 anos (roxa)

Foto: Tobias Schwarz/AFP

O primeiro lote com 23 mil doses de vacina da Pfizer para imunização contra covid-19 de crianças de 5 a 11 anos chegará em Mato Grosso na tarde desta sexta-feira (14).

A previsão é que a remessa chegue às 16h15 no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande.
 
No entanto, Cuiabá e Várzea Grande, as maiores cidades do estado, não definiram a data para o começo da imunização.
 
A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Cuiabá informou que segue o Plano Nacional de Imunizações (PNI) e que aguarda o recebimento das doses.
 
Disse ainda que já vem realizando reuniões e capacitações com as equipes gestores e técnicas, no intuito de que estejam todos preparados para dar início à vacinação desse novo público tão logo os lotes de vacina estejam disponíveis, sempre seguindo a nota técnica emitida pelo Ministério da Saúde.
 
A Prefeitura de Várzea Grande não se manifestou.
 
De acordo com o governo federal, a vacinação infantil ocorrerá:
 
  • em ordem decrescente de idade (das crianças mais velhas para as mais novas), com prioridade para quem tem comorbidade ou deficiência permanente e para crianças quilombolas e indígenas;
  • sem necessidade de autorização por escrito, desde que pai, mãe ou responsável acompanhe a criança no momento da vacinação;
  • com intervalo de oito semanas – um prazo maior que o previsto na bula, de três semanas.
 
Chegada das doses
 
Imediatamente após a chegada do imunizante, as equipes da Vigilância Estadual vão trabalhar no recebimento das doses, que consiste na conferência da quantidade, catalogação e no encaixotamento para retirada dos municípios.
 
Conforme Resolução da Comissão Intergetores Bipartite (CIB) nº 126 de 2021, as novas doses das vacinas contra a covid-19 passarão a ser distribuídas mediante solicitação das gestões municipais.
 
A medida se deve ao risco de perda de doses, devido ao prazo de validade, e à baixa procura por imunização em alguns municípios. Desta forma, será encaminhado um quantitativo compatível com a necessidade local.
 
Essa logística já ocorre com todos os outros imunizantes da Campanha Nacional de Imunização e, agora, também passa a valer para as vacinas contra a covid-19.
 
As solicitações deverão ser feitas por meio do Sistema de Insumos Estratégicos em Saúde (Sies), conforme fluxo já estabelecido com as demais vacinas.
 
A Resolução ainda prevê que os municípios deverão solicitar o quantitativo de doses uma vez por semana, às sextas-feiras. A entrega das doses será realizada na semana seguinte.
Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Enquete

A vacina da Pfizer contra a covid-19 foi aprovada para crianças de 5 a 11 anos. Você pretende levar seu filho(a) nesta faixa etária para vacinar contra a covid-19?

Você deve selecionar uma opção
Enquetes
 
Sitevip Internet