Cuiabá, domingo, 16/06/2024
21:58:40
informe o texto

Notícias / Geral

18/01/2024 às 10:30

PREPARA O BOLSO

Arsec discute reajuste de 8,85% na tarifa de água e esgoto em Cuiabá

Solicitação foi feita pela concessionária Águas Cuiabá seguindo contrato que prevê aumento anual

Renan Marcel

Arsec discute reajuste de 8,85% na tarifa de água e esgoto em Cuiabá

Foto: Reprodução

Depois do anúncio de aumento na recém-criada tarifa do lixo, os cuiabanos podem preparar o  bolso para o reajuste da tarifa dos serviços de água e esgoto em 8,85% em relação ao ano de 2023.

Leia também: Taxa de lixo começa a valer em fevereiro e valores podem chegar a R$ 66 por mês

Proposta de reajuste da concessionária que responde pela execução desses serviços, a Águas Cuiabá, será discutida na segunda-feira (22) em audiência pública organizada pela  Agência de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec).  

"Diante de todo o exposto, solicitamos que a Agência Reguladora avalie e homologue os cálculos apresentados para a devida aplicação do reajuste referente ao período de 2024/2025, bem como que concilie todas as ações necessárias para tanto, visando atender aos pressupostos legais para deliberação e votação da solicitação do reajuste tarifário junto ao Conselho Participativo da Arsec", traz o documento enviado pela Águas Cuiabá.

A tarifa residencial mínima atual é de R$ 4,32 para as unidades que consomem até 10 metros cúbicos por mês de água. Contudo, as unidades que excedem os 50 metros cúbicos são taxadas em R$ 14,33.

Veja a tabela tarifária de 2023 abaixo:


Com o aumento de 8,85%, esses valores devem saltar para R$ 4,70 e R$ 15,59. Além disso, é importante ressaltar que a taxa de esgoto é equivalente a 90% da tarifa cobrada sobre o consumo de água. Dessa forma, quanto mais água consumir, maior a taxa de esgoto, o que contribui para o aumento da conta no fim do mês.

De acordo com a Águas Cuiabá, no cálculo para esse reajuste incidem a variação dos custos com mão de obra, produtos químicos e energia elétrica. Além disso, a concessionária frisa que o aumento é ordinário e anual, previsto no contrato firmado com a prefeitura de Cuiabá.
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet