Cuiabá, terça-feira, 25/06/2024
02:13:55
informe o texto

Notícias / Política

08/02/2024 às 16:18

EM REGIME DE URGÊNCIA

Prefeitura decreta estado de calamidade pública na Saúde de Cuiabá

Decreto de nº1045 publicado nesta quinta-feira (8) visa obter auxílio imediato, especial e extraordinário do Estado de Mato Grosso e do Governo Federal para a Capital

Da Redação - Amanda Garcia / Do Local - Jardel P. Arruda

Prefeitura decreta estado de calamidade pública na Saúde de Cuiabá

Foto: Foto: Paulo Henrique Fanaia / Leiagora

A Prefeitura de Cuiabá decretou estado de calamidade pública no âmbito da gestão administrativa assistencial e financeira na saúde pública da Capital. O documento foi assinado na tarde desta quarta-feira (8) e tem como objetivo principal restabelecer a normalidade da prestação do serviço, bem como obter auxílio imediato, especial e extraordinário do governo de Mato Grosso e do Governo Federal.

O prefeito Emanuel Pinheiro (MBD) afirma que a atual situação da saúde pública do município, pós-intervenção, é “caótica”, e cita o aumento no número de óbitos registrados nos hospitais municipais, especialmente no São Benedito.
 
Vale ressaltar que, o decreto autoriza o secretário de saúde a adotar todas as medidas necessárias cabíveis para amenizar o estado de calamidade decretado, inclusive editar atos administrativos complementares.
 
Além disso, autoriza a Secretaria de Saúde a fazer contratações e compras emergências de insumos, materiais e medicamentos, ou seja, sem licitação. A medida valerá pelos próximos 90 dias.
 
Durante coletiva, o gestor ainda aproveitou para destacar que a medida não afasta o cumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado entre o estado e o Ministério Público Estadual (MPE), durante o período em que o município esteve sob intervenção.
 
Também frisou que, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) deverá apresentar um relatório mensal aos órgãos de controle, frente as ações realizadas para minimizar a situação.
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet